Matérias

De uma antiga residência a uma moderna clínica veterinária

 

Bem estruturada, segura, aconchegante, bonita e moderna. Para chegar ao resultado que consideravam ideal, foi preciso aceitar o desafio de transformar o imóvel. Um trabalho árduo, mas que valeu a pena, superando todas as expectativas dos clientes e das profissionais.

As arquitetas Adriana Nogueira e Larissa Moliterno realizaram a obra em parceria. A clínica veterinária, que conta com 152,43m², era antes uma antiga casa.

Segundo elas, a mudança mais impactante foi interna, onde o projeto foi todo remanejado e adaptado às necessidades básicas para um funcionamento adequado. E, para isso, foi preciso muito estudo e pesquisa para a elaboração.

Tudo foi planejado junto com os clientes veterinários Paula Lopes Abbade Carvalho e seu esposo Fabiano Gamis Carvalho, proprietários da clínica.  Esse contato foi essencial para obtenção de um resultado de sucesso, atendendo todas as expectativas.

No projeto da fachada foi criada uma platibanda para esconder o telhado e o aspecto residencial, transformando em um estilo mais moderno e comercial, com um ar leve, marcante e atraente.

O logo da clínica foi a inspiração para a escolha das cores da fachada e da decoração interna, reforçando a identidade visual da marca, criando um ambiente aconchegante, alegre, despojado e harmônico.

“As cores podem exercer diversas sensações na criação dos espaços, estimulam nossos sentidos e podem encorajar o relaxamento, o trabalho, o divertimento ou o movimento. Além de alterar visualmente as proporções de um ambiente, elas aquecem ou esfriam, valorizam ou criam centros de interesse”, disse Larissa Moliterno, responsável pelo projeto.

As arquitetas revelam que investiram em um ambiente moderno e bem iluminado, aplicando gesso nas paredes, rebaixo de gesso nos tetos, iluminação embutida, pastilhas verdes e alegres para alguns acabamentos, bancadas de granito e piso de porcelanato imitando cimento queimado.

Para completar o projeto, um jardim com boa iluminação foi um atrativo a mais na fachada, pensado para decorar e humanizar o local.

“A maior dificuldade foi exatamente construir uma clínica veterinária adaptando uma residência existente no local e com prazo máximo de cinco meses. Estou acostumada com projetos residenciais e comerciais, mas nunca fiz clínicas, o que demanda um conhecimento diferente, não apenas em seu projeto arquitetônico, mas também na parte burocrática, com aprovação e autorização de órgãos municipais, como prefeitura e vigilância sanitária, além de englobar muitas questões específicas”, finalizou Adriana Nogueira, que ficou encarregada pela direção e execução da obra.

Foi essencial o acompanhamento diário. Toda obra precisa de visitas diárias de um profissional para a compra e especificações de materiais adequados para cada ambiente, bem como elaborar o cronograma da execução, resolver problemas que surgem e verificar o desempenho dos profissionais que estão trabalhando, se estão executando corretamente suas respectivas funções e esforçando-se para que o desenvolvimento da obra siga no ritmo correto para com o prazo da entrega.

Há outros detalhes importantes, como climatização e sistema de segurança. Conseguiu-se transformar uma residência velha em uma clínica moderna, aconchegante e funcional, pensando sempre no conforto das pessoas que irão frequentar o local e também dos animais que passarão pela clínica.

“Penso que os projetos não precisam ser tão intimistas, e usar somente cores neutras depende da proposta e do que você quer atingir. A arquitetura possui uma gama infinita de possibilidades e o profissional precisa ter sensibilidade para captar o que o cliente necessita, atrelado ao estilo pessoal e ao propósito de cada projeto.

A execução e direção da clínica com 152,43m² foi toda por conta da Arq. Adriana Nogueira. Levando em conta todas as considerações do ponto de partida do projeto e os desafios que tinha pela frente, seguiu com a execução especificando todos os materiais internos, garantindo sempre a segurança e praticidade da clínica.